Páginas

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Causos da Vida Real e Pré-fechamento do mês.

Pelo menos pra mim o acontecimento mais importante do mês foi o falecimento de minha mãe. Isso me deu um certo baque emocional e me fez repensar muito a vida. Estratégias, planos para o futuro e coisas do tipo. O meu pai faleceu a 15 anos atrás com 63 anos, minha mãe se foi nesse mês com 68 anos. Foram cedo demais, isso me deixou encucado porque agora eu acho que também irei morrer cedo. Pra quê ficar rico aos 60 se vou morrer com 60 e poucos anos?

Ainda estou um pouco abalado com o ocorrido e resolvi dar uma mudada na minha vida, como dizem:
"Tentar ser uma pessoa melhor."
Só ainda não sei que tipo de melhor é esse.

Também tem o fato de meu irmão estar me devendo uma boa grana e prevejo que na hora da divisão dos bens da herança o conflito será claro e certo.
Nem estou conversando com ele nesses últimos dias pra não terem que fazer outro funeral. Tá foda!

Eu tive algumas despesas por conta da viagem inesperada até minha cidade e mais algumas coisas que tive que pagar lá, por isso devo fazer um ajuste no orçamento daqui pra frente.


Casos Absurdos da Vida Real:

Também nesse mês 2 colegas de trabalho, grupo da peãozada, estavam tomando umas num bar em um bairro conhecido pelos nóias e entraram em conflito. Um dos caras, gente ruim, levou uns tapas e foi a uma loja próxima, comprou uma faca e golpeou o outro na garganta. Este último correu pedindo ajuda e morreu próximo uma base da polícia militar. O cara que faleceu era gente boa, marrento mas boa gente e o outro FDP era conhecido por conviver com elementos errados. Pra terem ideia de como o Brasil é uma merda, o assassino fugiu do flagrante, ficou desaparecido uns dias, depois foi a delegacia prestar depoimento.

Resultado, vai responder o processo em liberdade e na semana passada apareceu pra trabalhar.

No Brasil, o poste mija no cachorro.


Ainda nesse mês outro colega de trabalho, dessa turma dos anteriores, um dos que comentei que fez merda sob o uso de drogas, apareceu morto. Levou uns caroços na cabeça por causa de algum motivo fútil e agradeço por ser menos um problemático pra me preocupar no trabalho.

Mamãe ama vocês.


Só que o mais bizarro foi o que aconteceu com um senhor de 50 e poucos anos, também de lá e só fiquei sabendo agora, pois ele ficou sumido um bom tempo. (lugarzinho escroto onde eu trabalho né?)

O cidadão, coroa de boa aparência, bem de vida e tirado a garotão, estava de rolo com uma criatura de um bairro da periferia, digamos que seja aquele bairro que tem nomes do tipo "Bairro Ruim 1, 2, 3, 4, .......".

Continuando, a moça era do tipo chave de cadeia padrão, pouca educação, menos de 30 anos, gostosa pra caramba e com uma filha que tinha mais de 10 anos. Depois de enjoar de se deleitar com o corpo da abençoada em questão, esse cidadão cansou de ouvir asneiras e resolveu sair fora dela.

Sumiu por uns tempos da vida da mulher, a "vileira" ficou fula da vida por que queria a boa vida e o cara fugiu dela.

MAS.......................MAS...........................................MAS MEUS AMIGOS...........................HOMEM É BICHO BURRO.......e pensa mais com a cabeça de baixo do que a de cima, ou simplesmente não pensa mesmo quando está de pau duro.

O sujeito inventou de procurar ela novamente. Sim, ele foi lá e a mulher armou uma arapuca maldosa pro cara. Depois que adentrou na casa dela, fez o tânanã, ela arrumou uma confusão quando ele ainda estava dormindo e gritou dizendo que ele tinha violentado a filha dela.

Pronto, ameaçou o cara e chamou ele de um monte de nomes, a "comunidade" ficou do lado dela e tentou linchar o sujeito. Apanhou um bocado, mas como estava com a saúde em dia conseguiu fugir e invadiu uma empresa grande que ficava próxima que estava aberta até aquela hora, mesmo com as mãos amarradas e todo ensanguentado. Agora está lá, se recuperando e respondendo por algo que não fez.

Essa é uma das histórias que demonstra que na maioria das vezes é mais barato pagar para uma profissional do que se aventurar com algumas mulheres por aí.
Podia ter sido só mais uma estatística.


Cuidado onde pisem!

19 comentários:

  1. Meus sentimentos mei caro, imagino a sua dor.

    Quanto aos causos é dai pra pior o que rola por aqui.

    ResponderExcluir
  2. Vou dividir em 2 partes meu comentário, em primeiro lugar meus sentimentos pela sua mãe, não sei o nível de amizade com seu irmão, mas espero que vocês se dêem bem !! desculpa tocar nesse assunto uma hora dessas mas já vai acelerando o inventário, pois se passar de 30,60 dias (depende do estado) há multa (Aqui em SP a multa é pesada), então o quanto antes abrir o inventário melhor.

    Em segundo lugar, meu!!! que pessoalzinho você tem ao seu lado no trampo !! todos "chaves de cadeia".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nem sei se o pessoal lá de casa já iniciou o processo. Acho que só ligarei pra lá pra perguntar na semana que vem, ainda estou sem chão com a partida inesperada de minha véia.

      Excluir
  3. Meus pêsames, baiano!

    Mas que lugarzinho é esse que tu trabalha, eu achava que os piões com quem eu convivia era tudo chimpa, mas essas aí estão de parabéns.

    Em 2 anos supervisionando serviços de piões nunca qualquer coisa desse tipo aconteceu, mesmo quando era no pé de morro.
    No máximo que aconteceu foi um monte de traficante se esconder de policial em operação no hospital que eu trabalhava.

    Quando pião começava a querer causar simplesmente mandava ele pra outro contrato em outra cidade, ou que sabia que iria se ferrar e não ficar só dormindo e jogando baralho.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui tem muita gente e a rotatividade também é grande. Tem uma turma boa e trabalhadora, mas essas peças raras aparecem de vez em quando.

      Excluir
  4. Lamentamos o falecimento, Baiano. Poderia detalhar quais mudanças na vida vai tentar implementar quando souber?

    ResponderExcluir
  5. Poxa baiano. Meus sentimentos. Seja forte amigo.

    Dinheiro de herança é dinheiro que não vale a pena brigar. Fique em paz com seu irmão, família é muito importante, melhor perder um valor do que perder a amizade com o irmão, vcs já não tem mais seus pais, vcs tem que se ajudar e se unir.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Meus pêsames.

    É um bom momento para pegar leve enquanto a mente vai se adaptando.

    Lembre que a paz não tem dinheiro que pague.

    Se apegar ao seu credo religioso tb ajuda a consolar um pouco.

    Triste é a saudade eterna.

    Abc

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Bahiano, não o conheço, mas sempre passo por aqui para ler seus textos, meus sentimentos pelo falecimento da sua mamãe...

    ResponderExcluir
  9. Meus sentimentos BG!
    Nem tem o que falar cara =/

    Espero que se recupere rápido do baque emocional e que cuide da sua saúde!

    E cara, quantas histórias... Que nos sirva de aprendizado.

    Acabei de atualizar o blog, dá uma passada lá
    https://funcionariopublicoinvestidor.blogspot.com.br

    Abc

    ResponderExcluir
  10. Meus sentimentos Baiano! Força para superar o baque! abraço!

    ResponderExcluir
  11. Meus pêsames Baiano,

    Espero que tenha força para enfrentar estes momentos difíceis

    Abraço

    ResponderExcluir
  12. Meus sentimentos baiano. Esse tipo de coisa faz repensarmos sobre as verdadeiras coisas importantes da vida. Força aí...

    ResponderExcluir